ORVAM

Organização dos Ribeirinhos Vítimas de Acidentes de Motor

A Instituição

Organização dos Ribeirinhos Vítimas de Acidentes de Motor - O projeto ORVAM está baseada na necessidade que a instituição tem em promover o atendimento social a vitimas de escalpelamento, um trabalho realizado no pós acidente promovendo um acompanhamento sócio econômico, psicológico e médico. As vitimas de acidente de motor são encaminhadas para a ORVAM após o tratamento inicial realizada pela pelo hospital, considerando que o tratamento não termina após os primeiros socorros do acidente é preciso com que estas vitimas sejam acompanhadas pelo resto de suas vidas devido a gravidade do trauma do acidente, sendo demasiadamente complexo o retorno ao convívio familiar e social. A ONG necessita fazer acompanhamento da vitima para isto e necessária de uma estrutura mínima, atualmente a ONG vive de trabalho voluntario e doação de pessoas sensibilizadas com história, contudo existe uma falta de fidelização e equipe permanente, o que dificulta a continuidade do serviço, prejudicando na qualidade do atendimento ofertado e diminuindo a capacidade de alcance do auxilia as vítimas, que também atua na conscientização destas pessoas ao retornam aos seus interiores.

OBJETIVO

Dispor de profissionais que trabalhem permanentemente na instituição para proporcionar esse apoio técnico e captar recursos para o funcionamento e manutenção do projeto.

VAGAS

  • - 02 para Assistentes Sociais (manhã/tarde (1x/semana), 8-17hs). Estabelecer uma rede sócio assistencial entre CRAS, CREAS, CRECHES, CONSELHO TUTELAR, AGENCIA DE EMPREGOS; realizar visita técnica na região Metropolitana e interiores; recrutar novos Estagiários; estabelecer Plano para os Estagiários; realizar curso profissionalizantes em parceira com SENAR, SENAI, SEBRAE; promover atendimento psicossocial; realizar capacitação técnica para Equipe de Serviço Social; criar novos Instrumentais técnicos de acompanhamento.
  • - 02 para Psicólogos (manhã/tarde (1x/semana), 8-17hs). Trabalhar em nível de Prevenção Biopsicossocial com os ribeirinhos e as vítimas de escalpelamento no Estado do Pará; minimizar danos psíquicos causados pela perda dos cabelos bruscamente em decorrência do acidente de motor.
  • - 01 para Terapeuta Ocupacional (manhã/tarde (1x/semana), 8-17hs). A combinar com o profissional.
  • - 01 para Enfemeiro(a) (manhã/tarde (1x/semana), 8-17hs). Abordar os seguintes temas: Qualidade de Vida – Apoderamento, valorização e Autoestima da pessoa; DST’s e AIDS; Ginástica Laboral; Estresse no Trabalho; Métodos Contraceptivos e Violência em Geral.
  • - 01 para Advogado (manhã/tarde (1x/semana), 8-17hs). A combinar com o profissional.

Contatos

  • Maria Cristina
    (91) 981555911

MOTIVOS
  • Combate a pobreza
  • Cultura, esporte e arte
  • Educação
  • Participação cidadã
  • Saúde
  • Pessoas com necessidades especiais
  • Escalpelamento
  • Geração de emprego e renda
ESPECIALIDADES
Advocacia/Direito, Enfermagem, Psicologia, Terapia Ocupacional, Assistência Social
VOLUNTÁRIOS